PIP (Fase 1)

PIP (Fase 1)

Objetivo

O objetivo global consistiu no reforço sustentável e equitativo da competitividade das empresas hortícolas dos pequenos e médios produtores dos países ACP, traduzindo-se tal apoio na manutenção da sua quota-parte comercial nas importações da UE.

Em termos concretos, o PIP visou assegurar a conformidade dos produtos exportados com a legislação europeia, no que toca ao respeito dos limites máximos de resíduos e à implementação de sistemas fiáveis de rastreabilidade. A qualidade sanitária dos produtos hortícolas frescos dos países ACP tinha de ser melhorada e adaptada às normas internacionais dos países importadores e às exigências crescentes dos consumidores.

PIP (Fase 2)

PIP (Fase 2)

Objetivo

  • Preservar e, se possível, melhorar o contributo da horticultura de exportação para a redução da pobreza rural nos países ACP.

  • melhorar a conformidade da oferta de produtos hortícolas dos países ACP com os requisitos da regulamentação europeia e com a procura do mercado (qualidade sanitária, questões ambientais e sociais)
     

  • melhorar de forma sustentável a capacidade de todas as partes interessadas do setor hortícola dos países ACP (operadores, empresas intermediárias, prestadores de serviços privados e públicos) de se adaptarem à evolução dos requisitos dos mercados